Ninho

2004/10/10

Dúvidas

...e as respostas que não vêm.
Pela janela vejo a chuva, ouço o vento, ambos se conjugando em tempestade.
Passo os olhos pela crónica de uma revista e, em tempestade de ideias, relembro a visitita que fiz a um amigo hospitalizado em que falámos da… vida.
Vida. Porque se lembrou alguém de usar essa palavra e não outra?
Não seria mais correcto dizer “estruturas celulares em constante mutação?”.
Pelos vistos não. Alguém decidiu que tudo funcionaria de forma organizada e criou os rótulos tipo “vida”, “nasceste”, és “criança”, “jovem”, “adulto”, e por aí fora, que nos vão sendo colocados de forma sequencial como encomenda a ser expedida em correio azul, claro está na moda, dos rótulos escritos passámos a ser também rotulados com cores.
Tem piada, é a senha azul para o guichet 4, verde para o 5, amarelo para o 7.
Ou será que as cores não foram utilizadas primeiro?
Pretos, Brancos, Amarelos, Vermelhos!
Não deve ter sido fácil organizar tudo isto.
A dificuldade de perceber deve ser minha. Alguma falha deve ter acontecido no “controlo da qualidade” para eu ter sido incluído num lote dos “sem defeito”, pois mais um rótulo, e expedido para…
É que continuo sem encontrar a senha para o guichet das dúvidas!
Mas para o que raio me havia de dar, estar para aqui a “filosofar” sobre coisas de que nada percebo!



1 Comments:

At 7:17 da tarde, Blogger Diabinha said...

Vida...
Quatro letras apenas...
Complicada... será?
Vida...
Fácil é viver ...
Dificil é saber viver...
e aceitar as suas "fases" mutantes e consequentes...
A vida é bela...
Mas também nos traz dissabores
Temos de aprender a contorná-los
Dificil e árdua tarefa
Mas com o carinho e amor de nossos amigos e familiares...
Conseguimos ultrapassar ...
Um grande beijinho Amiguinho :o))

 

Enviar um comentário

<< Home